[Promoção] Treinamento Elastic Stack + Linux Servers

[Promoção] Treinamento Elastic Stack + Linux Servers

DevOps, Distribuições, DNS, Elastic, Elasticsearch, Firewall, LDAP, Log, Monitoramento, Network, Security, Treinamentos
Saudações, galera!! Até o dia 25/05, todo aluno que adquirir o treinamento Elastic Stack vai levar junto o treinamento Linux Servers (29 aulas). Entendemos que é de vital importância ao administrador do ambiente Elastic Stack também saber administrar serviços como DNS, Web Servers, LDAP, serviços de Backup, RAID, LVM, Firewall Iptables, além de ajustes finos em configurações de rede e, por isso, resolvemos te dar este presente!! O valor do investimento é de R$120,00. Importante lembrar que o acesso do aluno não expira NUNCA, podendo ele mesmo fazer seu cronograma de estudos tranquilamente. Ao final do curso, o aluno também pode gerar o seu próprio certificado de conclusão. O treinamento é 100% prático, sem slides, direto ao ponto! Quem quiser adquirir este treinamento, basta acessar o link do curso e seguir…
Read More

Lançado o treinamento Elastic Stack

DevOps, Elastic, Elasticsearch, Log, Monitoramento, Network, Treinamentos
Já está lançado o novo treinamento Elastic Stack!! O curso é todo voltado para o aprendizado na prática dos produtos Elasticsearch, Logstash, Kibana e Beats, que compõe o Elastic Stack, uma das aplicações mais usadas para indexação, busca e geração de estatísticas a partir de documentos enviados via agente ou API. Entre os cases de sucesso de implementações do Elasticsearch estão Linkedin, Netlifx, Stack Overflow e Fujitsu. Recentemente, o Beats foi incorporado ao antigo ELK (Elasticsarch, Logstash e Kibana) no intuito de também prover o monitoramento de infraestrutura. O Kibana é a parte visual do projeto, onde o administrador pode criar métricas e gerar estatísticas em cima de campos de cada documento recebido no Elasticsearch. Aqui no HowTo Online o Elastic Stack é ferramenta essencial para gerar as estatísticas de…
Read More
Como funcionam os logs no Linux

Como funcionam os logs no Linux

Atualidades, Log
Registrar logs é uma obrigação para os desenvolvedores de hoje, sendo importante entender os logs do Linux, como visualizá-los e quais logs são mais importantes para o seu trabalho. Este mini guia lhe dará todos os fundamentos necessários sobre o assunto. Uma definição dos logs no Linux Os logs do Linux fornecem uma linha de tempo dos eventos para o kernel Linux, aplicativos e sistema e são uma valiosa ferramenta de solução de problemas quando você encontra problemas. Essencialmente, a análise de arquivos de log é a primeira coisa que um administrador precisa fazer quando um problema é descoberto. Para problemas específicos do aplicativo da área de trabalho, os arquivos de log são escritos em locais diferentes. Por exemplo, o Chrome grava relatórios de falhas em ‘~/.chrome/Crash Reports’. Onde um aplicativo desktop…
Read More

Filebeat – enviando logs para o Elasticsearch de maneira prática e leve

DevOps, Elasticsearch, Log, Network
Dando prosseguimento ao nosso último post sobre Elasticsearch, vamos falar hoje sobre a implementação do Filebeat como agente de envio de logs para o Elasticsearch.....ou Logstash, na verdade (você decide). O Filebeat é um excelente log shipper , que chama a atenção pela praticidade de configuração e pela pouca quantidade de recursos de sistema que consome. Na prática, ele funciona como agente de envio de logs para um serviço de coleta de logs qualquer. Vamos demonstrar aqui neste post o envio dele para o elasticsearch, cuja implementação foi vista em nosso primeiro post sobre o assunto. Instalando o Filebeat O download pode ser feito direto do site da Elastic, basta escolher a sua distro e a arquitetura do sistema operacional. Caso o servidor tenha acesso á internet, basta copiar o…
Read More

Enviando arquivos de log para o Elasticsearch

Atualidades, Elasticsearch, Log, Network
O Elasticsearch tem se tornado uma grata solução para quem deseja indexar, armazenar e buscar logs dos seus servidores e serviços de maneira centralizada e rápida. Na verdade, ele é muito maior que isso mas neste post vamos nos ater apenas a esta funcionalidade. Neste laboratório, vamos usar 3 produtos da Elastic (que, junto ao Beats, formam o Elastic Stack): Elasticsearch - recebe as saídas de texto e as armazena em diretórios de indexes dentro de seus clusters. Desta forma, o administrador pode optar por ter um index para cada tipo de serviço de vários servidores diferentes. Exemplo: armazenar os logs de todos os serviços httpd de um parque que conta com 10 servidores Web. A porta padrão do Elasticsearch é a 9200. Logstash - é um agente que captura os…
Read More